Tolerância e paz devem vencer o ódio e a violência política, defende Sgarbossa

Tolerância e paz devem vencer o ódio e a violência política, defende Sgarbossa

out 10, 2018

Vereador alertou para o crescimento de agressões bolsonaristas

O vereador Marcelo Sgarbossa ocupou a tribuna da Câmara de Vereadores na tarde desta quarta-feira (10/10), para alertar para a escalada de violência registrada no país nos últimos dias, inclusive com mortes,  motivadas pelo bolsonarismo.Ele registrou as dezenas de agressões violentas, uma delas ocorrida em Porto Alegre, em que uma jovem teve a suástica tatuada a canivete por três eleitores de Bolsonaro por usar uma camiseta escrita #EleNão.

“O que está ocorrendo é muito grave. Faço um apelo aos democratas para a fundamental questão civilizatória da defesa da vida.  Todos somos chamados como cidadãos a fortalecer posições de paz, tolerância e humanismo”, afirmou Sgarbossa, conclamando as vereadoras e vereadores a se somarem ao repúdio a atitudes de violência e  ódio motivadas por divergências de pensamento.

“Temos o dever histórico e o compromisso político em defender a  paz e a justiça social para a reunificação do país”, concluiu o parlamentar. De acordo com o levantamento inicial do Mapa da Violência Política, desde 1º de outubro já foram registrados 38 casos no país.

show
 
close